Pages

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Para sempre meu e para sempre seu.

Talvez,isso que escreverei agora,terão sido meus primeiros pensamentos ao vê-lo tão próximo de mim.Não posso dizer que ele mudara tanto desde a primeira vez,mas no pouco que ele mudou,realmente,me deixou assustada,ele só fazia cada momento que passava melhorar mais,ele continuava o caminho dele em ser perfeito.Quando eu pensei que não me apaixonaria de novo,lá estava ele,pronto e moldado para mim,como se ele fosse algo que eu já deveria saber que estaria me esperando em algum lugar,mas eu não esperava por isso e mais ainda não esperava que eu já tivesse sido moldada para ele também.Cada dia que eu passei com ele,foram os dias no qual eu consegui me encontrar,me sentir,de total e qualquer forma completa,de um jeito que só era possível porque ele estava ali comigo,me mantendo aquecida em seus braços.
Mas eu sabia que no fundo,eu estaria ali para ele no exato momento que ele estaria para mim.Foi assim que eu descobri que nós tínhamos o destino inevitávelmente marcado e foi assim que eu descobri que era ele por quem eu iria me apaixonar e deixar que as coisas tomassem seu rumo natural,sem querer lutar contras elas.E assim foi,natural como tem que ser.Eu e ele procuramos viver todos os dias intensamente como se fôssemos morrer no dia seguinte e nunca mais pudessemos sentir o calor do corpo um do outro.Éramos dois corpos,mas só uma alma,e tenho certeza que ele se sentiu tão dentro de todo esse relacionamento quanto eu,porque eu sabia,como ele também,que mesmo que isso não durasse para a vida inteira,de alguma maneira nós sentíamos que aquilo que vivemos nunca mais viveríamos em lugar nenhum.Não é que eu vá amar alguém um dia,menos do que eu amei ele e me entreguei á ele,é só que será diferente de tudo que eu vivi naquele tempo.Será realmente algo que ficará guardado na minha memória,como um livro que eu vou ler todas ás vezes que eu querer sentir o vento passando leve e fresco de novo.Eu mudei e ele também mudou,mas ainda,eu creio que mais por fora do que por dentro.Talvez nos encontremos agora,e nem nos daríamos conta de que aquilo que vivemos foi e sempre será algo que realmente não sairá jamais do nosso coração.Eu sou uma parte dele que ele precisou partir sem,como ele é uma parte minha que eu tive que deixar para trás.

2 comentários:

  1. uau :B

    http://otherwaytolove.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. você escreve muito bem, muito bem mesmo amor. *-*
    parabéns (:

    ResponderExcluir